Fanatismo: até que ponto vai o amor pelo ídolo?

Na década passada, Sandy e Junior, Rouge, KLB e Wanessa Camargo faziam a cabeça da garotada, eram ídolos com potencial, mas, agora são outros tempos… Com o avanço da internet e  o “boom” do YouTube, somos bombardeados a todo o momento com “novos ídolos”, alguns não duram mais que um hit, outros já conseguem se consolidar. No Brasil, Anitta e Luan Santana figuram como os principais nomes dessa geração. Nessa edição da “Coluna Especial”, iremos falar da relação tão intensa entre artista e fã.

sandy-e-luan-santana-faustao-22-01-2017-06-materia

Ser fã de alguém vai muito além de simplesmente acompanhar o trabalho, envolve afeto, amor incondicional e um acima de tudo, respeito. Atualmente, o que temos visto é uma relação deturpada, algo difícil de assimilar. Há alguns meses, as coleguinhas Simone e Simaria passaram por apuros, em um show. Um admirador das sertanejas, conseguiu invadir o palco e derrubou Simaria, causando revolta na irmã, que deu um soco no fã. Marília Mendonça, há algumas semanas, foi outra vítima, ao se apresentar em Minas Gerais, foi atingida por um celular no rosto, e disparou: ” Eu não sou nenhuma cadela. Eu estou aqui trabalhando.” Ficou tenso!

portaldoholanda-724435-imagem-foto-amazonas

Nesses últimos meses, quem não tem tido sorte é a cantora Sandy, no começo do ano a musa teve seu braço puxado durante uma apresentação, o ocorrido tomou proporção nacional, com direito a especial de Roberto Cabrini, no SBT, analisando o caso. Nesses dias, outro fã da irmã de Junior extrapolou os limites do bom senso a puxou seu cabelo, durante sua chegada em Sergipe.

sandy-e-noely-lima-causam-tumulto-ao-chega-em-evento-em-sp-5_361163

Até que ponto pode chegar a loucura de  um anônimo por um ídolo?

Em 2016, Ana Hickmann quase perdeu a vida por conta de um rapaz obcecado. O caso chegou às vias de fato, e a modelo só não morreu pois foi salva pelo cunhado, que matou o rapaz. O inquérito está na justiça e promete ainda dar o que falar…

É compreensível a emoção do fã ao dar de cara com o ídolo que tanta ama e tem apreço, mas é preciso ter prudência para não transformar o sonho em pesadelo. Fã de verdade não machuca, não fere, não agride.

Por hoje é isso!

 

Anúncios